Novas Aquisições #34

quinta-feira, 11 de janeiro de 2018

Ano começando, não poderia deixar de adquirir novos livros também.

E como esse ano me propus a um desafio, os livros que comprei fazem parte desse desafio. Para saber sobre o que eu estou falando, confira AQUI.



Primeira vez que comprei na Amazon e a experiência foi boa, levando em conta que os preços estavam em conta.



Cartas Extraordinárias - Shaum Usher



Esse livro foi tão desejado, mais tão desejado ♥
Fora que é lindo! Tiveram todo um cuidado especial com essa edição. Já não vejo a hora de começar a ler ele.













Água Viva - Clarice Lispector

Não poderia faltar Clarice ♥

E ainda pretendo ler bastante ela esse ano.












Origem - Dan Brown

Esse eu comprei pra dá de presente pro meu irmão, mas mesmo assim ainda pegarei ele para ler.












Sandman, Volume I - Neil Gaiman


Nem tenho palavras para falar sobre essa obra. Estou lendo ele no momento, porque não consegui aguentar e esperar terminar minhas outras leituras. Só digo uma coisa S-E-N-S-A-C-I-O-N-A-L.









Chegando quase no final do ano passado, ganhei essa belezura em um sorteio lá no grupo do Facebook. Acervo do Leitor é um dos melhores grupos sobre literatura, inclusive indico se você ainda não participa. Foi um mega sorteio, com 50 ganhadores que receberia essas lindezas.



Penumbra - André Vianco


Do André Vianco li apenas um livro até o momento, então creio que esse será uma nova surpresa. Tanto e que não li nenhum resenha a respeito dele, justamente com o intuito de não saber nada sobre a história.














Stark


Me diz se não é a melhor camiseta?
Ficou um pouco grande, por isso terei que mandar ajustar, mais já sou completamente apaixonada por ela  ♥♥










O Navio Arcano - Robin Hobb

Por fim, esse calhamaço. 
Ele foi tão comentado em 2017 que me deixou muito curiosa pra saber sobre a história.














Por enquanto é isso. Espero que esse ano seja repleto de boas leituras.
Me conta, já leu algum deles? Tem sugestões parecidas para dá? Pretende ler algum dos citados acima?

Beijos ;)

A Paixão Segundo G.H. de Clarice Lispector

terça-feira, 2 de janeiro de 2018

Para ler a sinopse AQUI.


Minha OpiniãoAté o momento, esse foi o livro mais difícil que eu li da Clarice Lispector. Pode ser que minha alma ainda não esteja formada, como ela mesmo cita no começo do livro ou pode ser que talvez o que eu entendi do livro tenha sido o que ela mesmo queria passar. Não sei...

Finalmente terminei de ler o livro depois de duas tentativas e um ano depois de ter comprado ele. O livro não é ruim, é complexo. Extremamente volúvel e cheio de referências das quais pouco consegui pegar.

G.H. tem sua vida modificada por uma barata. Toda a sua visão de mundo, seus amores, sua vida, tudo é contestado, colocado abertamente na frente dela para que a mesma veja com outros olhos a vida que levava.

Por diversas vezes me vi na personagem. Aliás, essa é uma das características de Clarice em seus escritos, fazer com que eu sempre me identifique em algum ponto na história. Ou as vezes na história toda.

Mas, falando no geral, não entendi nada.

Sendo bastante sincera. Precisarei reler esse livro ao longo da vida uma porção de vezes para compreender o que Clarice queria falar através dele. Um diferencial é que a personagem fala com a gente de forma tão natural e íntima que parece uma conversa entre amigos. Uma espécie de confissão, de abrir a alma e expor o que tem por dentro.

Apesar de ter entendido tão pouco, foi uma leitura essencial. Sempre que eu leio Clarice sinto minha alma renovada, preenchida e completa. É como se fosse aqueles ensinamentos antigos, onde os pais passavam para os filhos.

Ainda assim, recomendo o livro. Clarice é sensacional.

Um beijo ;)

12 Livros para 2018

segunda-feira, 1 de janeiro de 2018



Não gosto de fazer esse tipo de meta, porque nunca consigo cumprir. Porém, pretendo e empenhar ao máximo para que todos os livros a seguir sejam lidos no decorrer desse ano.

*Detalhe, apenas o primeiro livro que tenho. Os demais serão ainda adquiridos.

Confira a seguir a lista:



- 1280 Almas de Jim Thompson

- O Mundo de Sofia de Jostein Gaiman

- Sandman - Volume 1 de Neil Gaiman

- Morangos Morfadas de Caio Fernando Abreu

- Para Não Esquecer de Clarice Lispector




- Água Viva de Clarice Lispector

- Cartas Extraordinárias de Shaum Usher



- Legião de Willian Peter Blatty


- Alguém Especial de Ivan Martins

- A Rainha do Castelo de Ar - Millennuim 3 de Stieg Larsson

- Perto do Coração Selvagem de Clarice Lispector


- Arquivos Serial Killers. Made in Brasil e Louco ou Cruel de Ilana Casoy


Está a lista, se você pretende ler algum deles esse ano, não deixe de acompanhar o blog e me seguir no Instagram também Daniella_us, estou sempre postando sobre minhas leituras lá. 


Beijos ;)


As Crônicas de Gelo e Fogo - O Festim dos Corvos - Livro Quatro de George Martin

sábado, 9 de dezembro de 2017


"...Lembrava-se de seu pai ter dito, havia muito tempo, que, quando os ventos frios sopram, o lobo solitário morre e a alcateia sobrevive..."  pág.82



Minha Opinião: Não cheguei a falar sobre As Crônicas de Gelo e Fogo – A Tormenta de Espadas , Livro Três por aqui. Porém a leitura dele foi tão envolvente que o devorei bem rápido. Tanto é que se tornou um dos meus favoritos, ganhando de As Crônicas de Gelo e Fogo – A Guerra dos Tronos, Livro Um. Enfim, o momento passou e acabei não escrevendo sobre o livro três, mas só queria deixar frisado que ele até o momento é o meu preferido da série e que a leitura foi maravilhosa.

Em O Festim dos Corvos nossos personagens se mostram modificados por todos os acontecimentos anteriores. O período em si é de certa calmaria depois das guerras e mostra como as diferentes pessoas foram afetadas, embora uma ameaça maior se aproxime. Antes de ler esse livro, já tinha visto bastante comentários negativos, pelo fato do livro ser arrastado, sem grandes acontecimentos e pela ausência de outros personagens importantes. Ou seja, o livro quatro da série seria uma espécie de divisor de águas, ou você desiste da leitura ou de fato se rende a ela.

Eu o encaro como algo diferente. Até porque ele mostra isso. Eu o vejo como o marco do amadurecimento dos personagens. E ao meu ver é importante para o desfecho que teremos nos futuros livros.

É claro que a leitura foi arrastada no começo. Não estava apresentando todo aquele encanto, mais sim um novo cenário pós guerra. Até de fato eu me envolver com a história demorou, mas não deixou de ter todo aquele ar fantástico que eu adoro.

Como alguns personagens foram mais presentes do que outros, consegui passar a cogitar gostar deles, como por exemplo a Cersei. O que ela faz, o que ela sacrifica, o quanto devota aos filhos ela é, toda a sua luta para protegê-los e sua motivação para ser forte e justificar seus atos. Não gostava da personagem, mas passei a ter admiração por seu poder.

Jaime já tinha tido seu momento de “redenção” no livro anterior, mas ele se mostra bem mais forte do que apenas usando a espada. E também passa a enxergar o que de fato seu grande amor é.

Aria nunca foi uma das minhas personagens favoritas, mas aqui ela não aparenta ser tão chata como era nos outros livros. Talvez pelo fato de sua personagem está passando por uma grande transformação.

Brienne é deslumbrante, embora não seja tão interessante apenas acompanhar suas andanças em busca de cumprir suas promessas.

Um dos problemas grandes desse livro é a troca de nomes de alguns personagens sem um aviso prévio. Ás vezes eu  só conseguia distinguir quem era lá pelo meio do capítulo. Se foi de forma proposital que o autor fez assim, não sei, mas que me deixou perdida em certos momentos isso é certo.

George Martin sabe levar a história de forma graciosa. Ele vai acrescentando informações aos poucos, coisas que parecem não ser relevantes no final vai tudo se interligando de tal forma que não há como não desejar ler mais. Algo me diz que o livro cinco vai ser esplêndido quando o ler. Não vejo a hora de voltar a mergulhar de cabeça nesse universo novamente.


O pior não passou. O pior está só começando, e não há finais felizes.  pág197

Espero que tenham gostado, um beijo ;) 

Meu coração e outros buracos negros de Jasmine Warga

sábado, 21 de outubro de 2017

Sinopse: Um tema amargo, mas necessário. Em Meu coração e outros buracos negros, a estreante Jasmine Warga apresenta aos leitores um romance adolescente que aborda, de forma aberta, honesta e emocionante, o suicídio. Aysel, a protagonista, enfrenta problemas com a família e os colegas de escola, como tantos jovens por aí, e, aos 16 anos, planeja acabar com a própria vida. Mas quando ela conhece Roman num site de suicídio, em busca de um cúmplice que a ajude a planejar a própria morte, num pacto desesperado, a vida dos dois literalmente vira de cabeça para baixo. Aos poucos, Aysel percebe que seu coração ainda é capaz de bater alegremente. E ela precisará lutar por sua vida, pela vida de Roman e pelo amor que os une, antes que seja tarde.


Minha OpiniãoTenho essa mania de ler os livros porque gostei do título e por conta disso é que peguei para ler Meu Coração e Outros Buracos Negros, e foi uma leitura tão gostosinha apesar do tema abordado.

Aysel está passando por um período difícil em sua vida por conta de um acontecimento envolvendo seu pai – só é revelado no final esse fato – e isso fez com que ela fosse morar com a mãe e essa outra família. Um irmão mais novo e uma irmã um pouco mais nova que Aysel.

Aysel não consegue se encaixar nessa nova realidade. E por conta disso ela procura um parceiro para morrer. Através de um site ela conhece Roman e os planejam se suicidarem. Roman também vem com uma carga emocional e tem seus motivos pelo qual quer cometer suicídio.

Apesar do temas abordados, depressão, suicídio, culpa, o livro não traz aquele ar pesado que deixa uma sensação ruim. É escrito de forma leve e vai mostrando aos poucos a transformação que cada um passa.

É um tema que está em alta. E apesar de ter muitos livros que abordam isso, esse tem seu diferencial.
Gostei do final, dos personagens e principalmente das transformações de Aysel que foi sutilmente passando.

Espero que tenham gostado, um beijo ;)